ENEL 2015 – SÃO LUÍS DO MARANHÃO

26 DE JUNHO – 1 DE JULHO
Cidade Universitária do Bacanga – UFMA

VALORES DAS INSCRIÇÕES

10013673_392330270942804_4068835802684348985_n

EREL 2015: SUDESTE

18 e 22 de abril de 2015

logo1O XVI Encontro Regional dos Estudantes de Letras Sudeste propõe um olhar e um diálogo para as novas produções acadêmicas e culturais, estimulando aqueles que desejam se iniciar, ou já se arriscam, nos campos interdisciplinares da Linguagem, seja para criação artística ou estudo. O tema deste evento privilegiará o estudo das construções culturais, linguísticas e literárias nos espaços considerados periféricos em nossa sociedade.

Uma vez que as universidades têm suas responsabilidades com a sociedade, os estudantes se dispõem, com este evento, a cumprir algumas delas. Com isso, nos referimos ao amadurecimento da consciência política dos envolvidos, por meio de questionamentos e reflexões, buscando novas formas de mobilização estudantil. A fim de construir novas bandeiras e metodologias de luta, destinam-se, à atual conjuntura do país, críticas, sem deixar de ponderar as dificuldades enfrentadas individualmente no dia a dia. A Linguagem, mais uma vez, como fonte da interação e da transformação social, aparece, claramente, em nossa proposta, como instrumento pedagógico.

O tema proposto pelos estudantes de Letras da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), portanto, pretende atingir várias áreas das Humanidades, convocando um diálogo ativo sobre as problemáticas que permeiam a atualidade do engajamento e da participação social. É dessa forma que os conflitos políticos e sociais, juntamente com as manifestações populares, ganham espaço para revisão e debates nas mesas, oficinas, espaços culturais e GDs do evento, considerando que a Universidade como um todo deve estar cada vez mais próxima da sociedade que a cerca, numa relação direta.

INSCRIÇÕES

Atenção para os Editais do EREL 2015
• Edital de Inscrições
• Edital de Seleção de Monitores
• Edital para Submissão de Resumos
• Normas para Banner e Comunicação oral

Programação
Tabela1

Fonte: Blog EREL 2015

CONVITE: XV EMEL / XVI EREL

10509718_850990584911772_1131200559976432086_n   Sobre o Evento

O XV Encontro Mato-grossense dos Estudantes de Letras e o XVI Encontro Regional dos Estudantes de Letras (EMEL/EREL 2014) serão sediados na UFMT, campus Cuiabá, de 12 a 16 de novembro de 2014. Os eventos têm por objetivo promover a integração dos estudantes de Letras do estado e da região Centro-Oeste, tanto de universidades públicas como também de Educação à distância e de faculdades particulares, despertando-os para os aspectos políticos, acadêmicos e culturais que os envolvem, fomentando a discussão de assuntos pertinentes aos graduandos e graduados em Letras.

   O tema proposto para este ano é “Múltiplas Letras: os caminhos que podemos escrever”; espera-se, com isso, que os participantes ampliem a sua visão para as possibilidades que o curso de Letras pode oferecer ao futuro profissional da área. A desvalorização do docente em âmbito nacional, em grande escala, vem desestimulando tanto os profissionais quanto os estudantes do curso de Letras. No Centro-Oeste, podemos verificar por meio da nossa vivência universitária e pela evasão dos alunos nas salas de aula, sendo por motivos variados. Este é um quadro preocupante. Assim, os eventos vêm com o intuito de propor um diálogo para estabelecer os reais motivos, além de procurar motivar os participantes para um maior envolvimento com o curso e o seu futuro como profissional, fundamentando sempre no tripé: Cultural, político e acadêmico.

O evento conta com o apoio da Executiva Nacional dos Estudantes de Letras, Academia Mato-grossense de Letras, Instituto de Linguagens da UFMT, Centro acadêmico de Letras – Gestão Arcádia Cuiabana, Departamento e Coordenação de Letras – UFMT e outros.

CRONOGRAMA ► EMEL EREL 2014 UFMT – CUIABÁ
 (sujeito a modificações atualizado: 04-11 às 15h)

INSCRIÇÕES •

EDITAL Nº 09/2014 – SELEÇÃO DE ESPETÁCULO ARTÍSTICO PARA O XVI EREL-Nordeste

EDITAL Nº 09/2014

EDITAL DE SELEÇÃO DE ESPETÁCULO ARTÍSTICO PARA O XVI ENCONTRO REGIONAL DOS ESTUDANTES DE LETRAS NORDESTE – CARIRI

A Comissão do Espaço Cultural da Universidade Regional do Cariri – URCA, através da Pró-Reitora de Extensão, SANDRA NANCY RAMOS FREIRE BEZERRA e a Coordenadora Geral do XVI Encontro Regional dos Estudantes de Letras – EREL, JOKLESIA MARIA DE SOUZA FREIRE, Nomeada pela Portaria nº. 742/2014 – GR, tornar público o presente Edital que se destina à inscrição de proposta para seleção de espetáculos artísticos visando a montagem de programação do XVI Encontro Regional dos Estudantes de Letras-EREL-NE, que se realizará entre 22:00 e 00:00 horas do período de 17 à 21 de Dezembro de 2014, em Crato, Ceará.

As normas, critérios e requisitos necessários à participação no Edital são os seguintes:

1. Os proponentes dos espetáculos deverão se inscrever no link do XVI Encontro Regional dos Estudantes de Letras-EREL, através do E-MAIL culturalnecariri@gmail.com, ou No C.A do Curso de Letras da URCA, localizado na rua Cel. Antônio Luiz, 1161, Pimenta, Crato, Ceará, no período de 03 de novembro a 01 de dezembro de 2014. As inscrições deverão ser efetivadas no horário das 8 às 12 horas e de 14 às 17 horas. O resultado da seleção será divulgado no dia 04 de dezembro de 2014.

2. As propostas deverão conter material de áudio e/ou vídeo com uma amostra do espetáculo, além de uma fotografia e de um release e/ou currículo do evento. Este material deverá ser enviado para o e-mail culturalnecariri@gmail.com ou entregue no endereço especificado no item 1. Os inscritos que enviarem suas propostas por e-mail deverão assegurar-se do envio. Para tanto, devem checar o recebimento de um e-mail da coordenação da cultural do EREL-NE acusando a recepção do material.

3. As propostas de espetáculos deverão ter a duração de 1h30 (uma hora e meia) , sem tolerância para menor ou maior duração.

4. Os espetáculos selecionados, no máximo 04 (Quatro), serão programados para horários e dia determinado a critério da coordenação da comissão organizadora do EREL-NE. Não haverá mudança da programação divulgada, salvo conveniência da coordenação e com consentimentos dos responsáveis dos espetáculos alvos dessa mudança.

5. A seleção dos espetáculos será realizada pela Comissão Cultural do XVI EREL NE – Cariri.

6. Os espetáculos selecionados e efetivamente realizados, conforme normas, critérios e requisitos constantes deste Edital, receberão uma ajuda de custo no valor de R$ 1.000 (hum mil reais), a serem descontados os encargos. O pagamento da ajuda de custo será feita de acordo com previsão divulgada pela Pró-Reitoria de Desenvolvimento Universitário – PRODUN.

7. No ato da assinatura do contato de compromisso para realização dos espetáculos, será divulgado e entregue aos responsáveis dos espetáculos o documento e NORMAS DO EVENTO, que regulamentará todo o procedimento da apresentação dos eventos artísticos.

8. Após a efetivação da inscrição, o responsável pela proposição do projeto musical assinará termo afirmando ter conhecimento das determinações deste Edital e de estar em plena concordância com elas.

Crato (CE), 03 de Novembro de 2014.

SANDRA NANCY RAMOS FREIRE BEZERRA
Pró-Reitora de Extensão da URC

Mais informações: Página do Facebook

10313467_858142804204907_446216120923794059_n

Esclarecimento sobre o EREL Norte 2014

1235

__A ExNEL Norte vem através desta informa-los sobre a impossibilidade de realização do XV EREL em Macapá-Ap este ano -como fora aprovado na plenária final do XIV EREL realizado em Belém-Pa em novembro de 2013- devido a falta de locais que pudessem sediar o evento na cidade.Faz-se necessário ressaltar que no projeto apresentado para a aprovação do evento constava que este teria como sede a Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), no entanto, foi apurado que este espaço nunca esteve plenamente assegurado.

__Ao sermos eleitos executivos regionais na Plenária Regional do Norte, realizada no XXXV ENEL no dia 01/08/2014, assumimos mais do que nunca a responsabilidade de fortalecer o MEL em nossa região e hoje, focados nisso, temos em nossa vontade o maior incentivo para seguir
contribuindo com quaisquer diálogos que tragam possibilidades de crescimento tanto para o aluno, quanto para o curso de Letras. No âmbito do XV EREL estávamos cientes que teríamos um grande trabalho pela frente, uma vez que não foram eleitos executivos estaduais pelo estado do Amapá e por saber que o XV EREL já estava em processo de construção há quase oito meses e ainda assim não havia qualquer resposta positiva sobre lugares que foram procurados para sediar o evento. Aceitamos a missão com muito bom grado e juntamente com uma C.O local
intensificamos o ritmo nos trabalhos e nas buscas por possibilidades de sede no estado, porém, a dois meses da data previamente marcada para o evento acontecer e com poucas coisas adiantadas, concordamos que é humanamente impossível realiza-lo em condições dignas de um bom encontro.

__Pedimos desculpas aos estudantes de letras, à C.O local, aos centros acadêmicos que já haviam concedido apoio ao evento e a todos os demais que estiveram conosco nesta empreitada, demonstrando confiança no trabalho de construção que estava sendo feito. Seguiremos motivados
na continuidade de nossas atribuições enquanto executivos e nos manteremos empenhados em verificar possibilidades de locais e datas para a realização do XV EREL Norte.

Atenciosamente,

Arthur Bandeira – Executivo Regional de Finanças – Norte
Christian Carlos – Executivo Regional de Comunicação – Norte
Eliane Fernanda – Executiva Regional Geral – Norte

Arquivo em PDF.

Está nascendo: NEGRAS EM MOVIMENTO

5

Movidas pelo cansaço de sentir na pele inesgotáveis formas de violência, tanto pela pele preta, quanto pela realidade de ser mulher, sem poder abdicar de nenhuma dessas duas condições, convidamos todas vocês pra compor esse espaço de discussão e criar um lugar de reconhecimento dessa luta diária e também de aconchego por saber que temos umas as outras sempre.

 

A primeira roda auto-organizada de mulheres negras da UFRJ partirá de dois pontos:
– O que é ser mulher negra?
– Feminismo negro

Pelo empoderamento e fortalecimento do nosso discurso e de nós mesmas. Como diria nossa
guerreira e poeta Audre Lorde: “Seu silêncio não vai te proteger“.
E nós vamos gritar!

*A roda é uma espaço auto-organizado, ou seja, é uma construção de mulheres negras para mulheres negras. Pedimos a colaboração de todas para evitar desconforto. Lembrando que o seminário, que acontecerá posteriormente as rodas de formação no mês de outubro, será aberto a todos e todas que se sentirem a vontade para debater.

XVI EREL Nordeste Cariri [2014]

7As vozes do Nordeste nas veredas do Ser-Tão: oralidade, cultura e tradição.

Data: 17 à 21 de dezembro de 2014.
Local: Universidade Regional do Cariri-URCA. Crato-CE

O evento pretende abordar temáticas que englobem uma visão cultural da região Nordeste.
Tendo em vista a riqueza da região em diversas manifestações culturais, as poéticas da oralidade
e tradição serão um dos focos do evento. No mais, o fortalecimento do movimento estudantil do
curso de Letras (MEL-NE) será prezado, com o intuito de discutir o papel dos estudantes na sociedade
e como transformá-la, a fim de um Brasil mais justo e sem desigualdades sociais.

NO FACEBOOK
• Evento
Perfil
• Página

 

XVIII Encontro Baiano de Estudantes de Letras

O XVIII Encontro Baiano dos Estudantes de Letras será realizado na
UNEB
(Universidade do Estado da Bahia), no Departamento de Ciências Humanas
e Tecnologias, Campus XXIII, na cidade de Seabra, durante os dias 12 a 16 de Novembro de 2014.

O tema será “Se abra a Chapada: trilhando o caminho da docência no coração da Bahia

INSCRIÇÕES

6

XV Encontro Mato-grossense dos Estudantes de Letras e EMEL/EREL 2014

4

O XV Encontro Mato-grossense dos Estudantes de Letras e o XVI Encontro Regional dos Estudantes de Letras (EMEL/EREL 2014) serão sediados na UFMT, campus Cuiabá, de 12 a 16 de novembro de 2014. Os eventos têm por objetivo promover a integração dos estudantes de Letras do estado e da região Centro-Oeste, tanto de universidades públicas como também de Educação à distância e de faculdades particulares, despertando-os para os aspectos políticos, acadêmicos e culturais que os envolvem, fomentando a discussão de assuntos pertinentes aos graduandos e graduados em Letras.

O tema proposto para este ano é “Múltiplas Letras: os caminhos que podemos escrever”; espera-se, com isso, que os participantes ampliem a sua visão para as possibilidades que o curso de Letras pode oferecer ao futuro profissional da área. A desvalorização do docente em âmbito nacional, em grande escala, vem desestimulando tanto os profissionais quanto os estudantes do curso de Letras. No Centro-Oeste, podemos verificar por meio da nossa vivência universitária e pela evasão dos alunos nas salas de aula, sendo por motivos variados. Este é um quadro preocupante. Assim, os eventos vêm com o intuito de propor um diálogo para estabelecer os reais motivos, além de procurar motivar os participantes para um maior envolvimento com o curso e o seu futuro como profissional, fundamentando sempre no tripé: Cultural, político e acadêmico.

O evento conta com o apoio da Executiva Nacional dos Estudantes de Letras, Academia Mato-grossense de Letras, Instituto de Linguagens da UFMT, Centro acadêmico de Letras – Gestão Arcádia Cuiabana, Departamento e Coordenação de Letras – UFMT e outros.

INSCRIÇÔES

Dia Nacional de Visibilidade Lésbica

123Olá!
Eu passei o dia todo pensando em como manifestar meu apoio às lésbicas no dia de hoje (Dia Nacional de Visibilidade Lésbica) de uma maneira que eu permaneça na minha posição de ajudante e não protagonista na luta.
Então, acho que o melhor jeito é trazer à memória de todxs aqui o que nós, homens, fazemos de errado quando o assunto é HOMOSSEXUALIDADE/HOMOAFETIVIDADE FEMININA.
Dentro dessa esfera LGBT, as mulheres lésbicas(as bissexuais também) sofrem com um problema que se destaca dos demais: uma “aceitação” da sua relação homossexual/homoafetiva na sociedade.
Bem, quero enfatizem as aspas, já que essa aceitação é completamente falsa e conveniente.
É de conhecimento geral que vivemos em uma sociedade patriarcal, falocrática, misógina e machista. Por isso, não podemos esperar que todxs aceitem facilmente e apoiem alguma atitude que quebre esse padrão.
O que ocorre é que, culturalmente, o homem é ensinado que as mulheres nasceram para lhe fornecer prazer sexual. E aí, quando ele nota duas (ou mais) mulheres lésbicas se beijando, ele usa um discurso de “aceitação”, mas logo depois demonstra seus verdadeiros interesses.
É fácil lembrar de frases como: “posso brincar também?”, “nossa, mas isso é muito lindo!”, “isso, beija ela, vai…”, “Nossa, só faltou eu no meio” entre outras tantas.
Isso quando o homem não se acha no direito de chegar agarrando, passando a mão…
Aaaaah, vale lembrar que essa situação é muito mais recorrente com mulheres que eles chamam de “femininas”. Mulheres de cabelo curto, de curvas não acentuadas, que usam roupas que a sociedade rotula como “masculinas”, mulheres sem maquiagem e de atitude mais imponente sofrem com a discriminação sem nenhum tipo de máscara ou rodeio.
Mulher lésbica, NÃO ACEITE qualquer tipo de intromissão masculina na sua relação. Isso é demonstração de preconceito!
Esse é o recado do Clay em apoio à Visibilidade Lésbica. Deixo aqui a minha pasta de combate a Homofobia da Exnel à disposição de qualquer ato de Visibilidade Lésbica nos Encontros de Estudantes de Letras.
Ah, aproveitando a oportunidade, deixo aqui uma recomendação de filme com a temática Lésbica com mulheres negras protagonizando:
o filme chama-se Pariah e conta a história de uma adolescente lésbica e sua rotina de preconceito na família, unida aos amores que ela encontra no caminho.
http://megafilmeshd.net/pariah/
BEIJOS E ABRAÇOS, GENTE!

Clay Silva
Pasta Nacional de combate à homofobia
Gestão 2014/2015